Arquivos do Blog

Upfront 2013 | Conheça as novas séries da CW

Promo geral da programação da CW

The Tomorrow People

A trama segue a linha de X-Men e Heroes, acompanhando a evolução de crianças aparentemente normais, nascidas de pais humanos, que em algum ponto entre a infância e a adolescência começaram a desenvolver habilidades especiais – entre elas poderes psíquicos como telepatia, telecinésia e teleportação. Juntos, formam uma defesa para proteger o mundo contra as forças do mal.

Reign

Drama histórico que acompanha a adolescência de Mary Stuart, a rainha da Escócia. Adelaide Kane (Power Rangers) vive a protagonista.

The 100

Baseada no livro inédito de Kass Morgan, a trama pós-apocalítica é situada 97 anos depois de uma guerra nuclear ter destruído a civilização. Uma nave espacial que abriga os solitários sobreviventes envia 100 delinquentes juvenis de volta à Terra para investigar a possibilidade de recolonizar o planeta.

The Originals

No spin-off, Klaus (Joseph Morgan) retorna à Nova Orleans, cidade que ele ajudou a construir há séculos, e reencontra seu diabólico ex-protegido Marcel (Charles Michael Davis). Klaus, ao lado dos irmãos Elijah (Daniel Gillies) e Rebekah (Claire Holt), devem se juntar aos inimigos de Marcel para tentar evitar a extinção da linhagem Mikaelson.

Star-Crossed

Antes intitulada como Oxygem. Gira em torno de Emety (Aimee Teegarden), adolescente que se apaixona por um jovem alienígena, um dos nove da sua espécie que estudam em um colégio suburbano. Há mais de 10 anos, o jovem e outras centenas de alienígenas chegaram à Terra e foram feitos prisioneiros.

The Originals | Spin-off de The Vampire Diaries fecha o trio de vampiros originais

The Originals, série derivada de The Vampire Diaries que o canal CW está preparando, completou o trio de vampiros originais com a contratação de Claire Holt.

A atriz reprisará o papel da vampira Rebekah ao lado de Joseph Morgan (Klaus) e Daniel Gillies (Elijah), seus irmãos na trama.

No spin-off, Klaus retorna à Nova Orleans, cidade que ele ajudou a construir há séculos, e reencontra seu diabólico ex-protegido Marcel. Klaus e o irmão Elijah deve se juntar aos inimigos de Marcel para tentar evitar a extinção da linhagem Mikaelson.

Phoebe Tonkin, que se juntou recentemente ao elenco de The Vampire Diaries, também repete o papel da mulher-lobo Hayley. Daniella Pineda (Homeland) como a bruxa Sophie e Danielle Campbell (Prison Break) como a perturbada feiticeira Davina completam o elenco.

O episódio, sujeito à avaliação, será exibido como um episódio especial na quarta temporada de The Vampire Diaries e está programado para ir ao ar nos EUA em 25 de abril. Se for bem recebido pelo público, a CW deve encomendar uma primeira temporada para The Originals.

The Vampire Diaries | Joseph Morgan fala sobre Klaus e Caroline

EW esteve no set de TVD e conversou com Joseph Morgan sobre Klaus e Caroline, confira a matéria a seguir:

Recentemente a EW esteve no set de The Vampire Diaries em Atlanta e Morgan revelou que nos primeiros episódios da nova temporada, os fãs irão definitivamente ver um pouco mais desses dois.

Nós iremos certamente ver o relacionamento deles – mas eu não quero dizer relacionamento no sentido de que eles estão namorando – mas nós certamente iremos ver a dinâmica entre eles se desenvolver”, revelou o ator.

Como? Ele não disse. No entanto, ele disse que gosta da oportunidade de mostrar as novas personalidades de Klaus.

[A história de Klaus/Caroline] trás a humanidade de Klaus. Amo interpretar o seu lado mais encantador e as cenas com Caroline realmente me permitem interpretar isso”. “Então espero que ele tenha uma chance com ela. Acho que todo mundo merece o amor e uma segunda chance”.

Se, e quando, sua chance aparecer, entretanto, será mais fácil dizer do que de fazer.

Eu me pergunto o quanto de um compromisso ele teria que lhe oferecer para que ela ficasse perto dele e se ele seria capaz de manter esse compromisso”, Morgan disse.

The Vampire Diaries | Produtora Julie Plec comenta sobre o que podemos esperar da 4ª temporada

Infelizmente temos que esperar até 11 de Outubro para ver novos episódios de The Vampire Diaries na CW. Enquanto isso, aqui estão algumas palavras da produtora Julie Plec sobre o que esperar da Quarta Temporada. Tem um caçador de vampiros, Klaus apaixonado e sim, Elena é uma vampira agora. Confira a entrevista com Julie Plec:

Sobre o que nós devemos ficar animados nesta temporada?

Julie Plec: Nós temos nossa heroína, Elena, que da última vez em que a vimos ela estava acordando com sangue de vampiro em seu sistema, então ela tem que fazer uma escolha entre se tornar uma vampira ou morrer. Já que ela é a heroína eu acho que nós podemos presumir que rumo ela vai tomar e isso nos dá a oportunidade de meio que voltar ao começo da série e contar as mesmas histórias, mas com um contexto diferente. Ao invés de uma jovem garota aprendendo o segredo dos vampiros em Mystic Falls, ela agora é uma vampira em Mystic Falls e  precisa guardar seu próprio segredo. Ela precisa aprender como viver e como se alimentar e o que fazer. Suas emoções estarão aumentadas e ela própria vai se tornar um pouco louca e então nós vamos vê-la passar por uma surpreendente e traumática jornada, que não será amenizada quando um novo caçador de vampiros aparecer na cidade no Segundo Episódio.

Isso também traz uma mudança ao triângulo amoroso, em fazê-la ficar mais próxima de Damon do que de Stefan?

Julie Plec: Em um jeito estranho isso reinicia o triângulo amoroso. Ela fez uma decisão sobre com quem ela deveria ficar, sobre quem ela queria, e sobre quem ela amava como humana, e agora ela não é mais humana. Isso não significa que ela vá mudar de ideia do dia pra noite, mas definitivamente irá adicionar algumas complicações dos dois lados do triângulo. Ela quer ser o tipo de vampiro que Damon é? Ela está destinada a isso ou ela quer agora mais que nunca ficar o mais longe possível? Ela pode continuar tão próxima de Stefan sabendo que ele a amava como uma humana pura e inocente? Ela terá uma insegurança sobre o que isso significa para o relacionamento deles? E ele poderá ficar com ela enquanto ela se alimenta de sangue, enquanto ele próprio tem problemas com isso.

Certo, como Stefan se sente sobre isso?

Julie Plec: Bom, Stefan está devastado. Ele sabe que ela nunca quis isso. Ele faria tudo que pudesse para ter certeza de que ela não precisaria passar por isso, mas é meio que inevitável que ela tenha. Então agora ele tem que ser seu campeão e seu parceiro e seu amor verdadeiro, e ainda ter que adaptar-se a ela como vampira enquanto ele mesmo não é muito bom em ser um.

O novo caçador de vampiros é um personagem dos livros?

Julie Plec: Não, não, é um novo personagem.

Como você criou um caçador de vampiros diferente de Alaric?

Julie Plec: Alaric começou a caçar vampiros porque ele tinha um motivo. Ele tinha vingança dentro de si, mas isso não era sua razão de viver. A família Gilbert, a família de Elena e Jeremy, tem uma longa história em caçar vampiros, mas ao mesmo tempo é uma coisa que eles sentem como um dever de família. Esta é a primeira vez que nós veremos um caçador de vampiros criado, nascido, feito e que respira para matar vampiros. É o que o motiva. Não importa quem sai ferido no meio do caminho e esse é o propósito de sua vida, então ele vai ser um tipo de oponente bem mais difícil e formidável do que nossos heróis estão acostumados a lidar.

O que está por vir para Jeremy e Caroline?

Julie Plec: Bom, Jeremy é agora o homem da casa e esse vai ser um assunto interessante para ele lidar, porque Elena como a irmã mais velha continuará tentando lhe dizer o que fazer. Mas ele mesmo veio de uma longa linhagem de pessoas que caçavam vampiros e agora ele vai viver embaixo do mesmo teto de um. Então, ele vai ter muitas coisas interessantes para explorar. Caroline é claro o objeto de afeição do vampiro Original Klaus que é grosseiro, sombrio e malvado, mas que tem um amor secreto por ela. Então, não apenas ela terá que lidar com seus planos malignos, mas também com seu diabólico desejo de lhe separar de Tyler. Ela terá que lidar com o fato de tentar deixá-lo próximo enquanto  tenta ser uma boa namorada e permanecer em um compromisso com Tyler.

Você está dividida entre amar esses personagens e querer coisas boas para eles, mesmo sabendo que um bom drama significa causar uma confusão com eles?

Julie Plec: Sim, eu sempre digo que não existe conflito na felicidade, eu assisto Grey’s Anatomy e Meredith e Derrick têm sido felizes por sete anos e eu amo a felicidade deles, e no ano que eles não estavam felizes eu parei de assistir. Eu realmente acho que existe um potencial para as pessoas serem felizes no amor. Eu só acho que ainda não chegamos lá. Honestamente, eu acho que não importa o quanto todo mundo queira as coisas de seu jeito e depois de cinco episódios, eles podem dizer, “Oh, o que vem agora.”. Então nós estamos sempre tentando manter tudo novo e interessante e mudar as coisas sempre que possível.

Quão envolvido está Kevin Williamson enquanto ele trabalha no The Following?

Julie Plec: Bom, Kevin está lançando The Following, ele é minha alma gêmea e meu parceiro de trabalho e meu marido no trabalho, ele está do outro lado do telefone para mim o dia todo, mas agora o foco dele é fazer The Following crescer cada vez mais.

Você sente que abriu um caminho para o The CW fazer programas como A Bela e a Fera?

Julie Plec: Bom, eu acho que o que nós fizemos foi mostrar que, você pode ter um sucesso comercial com um show de gênero tanto voltado para o medo e tensão como para o amor, então nós vamos ver se isso é verdade, se a audiência diz, “Sim, nós queremos mais disso”.

%d blogueiros gostam disto: