Arquivos do Blog

Presidente da Showtime fala sobre final de Dexter e possível spin-off

Dexter estreia nos Estados Unidos apenas no dia 30 de junho, porém os atores e equipe da atração já estão produzindo o penúltimo episódio da temporada que se encerra neste oitavo ano. O TVLine conversou com David Nevins, presidente de entretenimento da emissora, sobre essa reta final da atração, que promete ser bastante emocional.

Com relação ao season finale em si, Nevins diz que não pode prometer “tudo para todos os fãs”, porém está confiante de que a série está sendo bem cuidada. “Eles (os produtores e roteiristas) estão colhendo as sementes plantadas anos atrás, e é assim que se consegue um bom final. Tivemos algo similar em Friday Night Lights quando eu era produtor, com um final planejado dois anos antes, e acho que a série terminou lindamente. Dexter deve seguir por este mesmo caminho”.

 

E o spin-off?

 

Para completar, David Nevins mais uma vez falou sobre um possível spin-off de Dexter. Na declaração para o TVLine, o presidente de entretenimento mantém a política de que é preciso esperar a “poeira baixar” com relação ao final da série original antes de pensar em uma atração derivada.

Porém, dessa vez ele completa: “Eu acredito que Dexter é uma franquia vital para a Showtime. Ela colocou a emissora em destaque com relação a sua programação original e se manteve relevante até o final”.

Traduzindo livremente: se o final da atração trouxer números satisfatório, é uma questão de tempo até que o spin-off saia do papel. Será?

Ansiosos pela temporada final de Dexter? Nós estamos!

Anúncios

Upfront 2013 | Conheça as novas séries da CW

Promo geral da programação da CW

The Tomorrow People

A trama segue a linha de X-Men e Heroes, acompanhando a evolução de crianças aparentemente normais, nascidas de pais humanos, que em algum ponto entre a infância e a adolescência começaram a desenvolver habilidades especiais – entre elas poderes psíquicos como telepatia, telecinésia e teleportação. Juntos, formam uma defesa para proteger o mundo contra as forças do mal.

Reign

Drama histórico que acompanha a adolescência de Mary Stuart, a rainha da Escócia. Adelaide Kane (Power Rangers) vive a protagonista.

The 100

Baseada no livro inédito de Kass Morgan, a trama pós-apocalítica é situada 97 anos depois de uma guerra nuclear ter destruído a civilização. Uma nave espacial que abriga os solitários sobreviventes envia 100 delinquentes juvenis de volta à Terra para investigar a possibilidade de recolonizar o planeta.

The Originals

No spin-off, Klaus (Joseph Morgan) retorna à Nova Orleans, cidade que ele ajudou a construir há séculos, e reencontra seu diabólico ex-protegido Marcel (Charles Michael Davis). Klaus, ao lado dos irmãos Elijah (Daniel Gillies) e Rebekah (Claire Holt), devem se juntar aos inimigos de Marcel para tentar evitar a extinção da linhagem Mikaelson.

Star-Crossed

Antes intitulada como Oxygem. Gira em torno de Emety (Aimee Teegarden), adolescente que se apaixona por um jovem alienígena, um dos nove da sua espécie que estudam em um colégio suburbano. Há mais de 10 anos, o jovem e outras centenas de alienígenas chegaram à Terra e foram feitos prisioneiros.

Dexter | Irmã do serial killer pode ganhar série derivada

Mesmo após ter seu fim decretado, Dexter pode dar continuidade à história de seus personagens.

Segundo o Hollywood Reporter, está sendo ventilada a possibilidade de Debra Morgan (Jennifer Carpenter), a irmã de Dexter, ganhar uma série própria.

David Nevins, o presidente do canal Showtime, comentou a ideia: “Esta é uma franquia importante para nós e todas as opções estão na mesa, em relação a onde ir depois do fim. Não há nada acontecendo ativamente, mas você nunca sabe o que o futuro reserva. Eu não vou descartar [o spin-off], mas eu não estou planejando nada agora”.

Dexter retorna ao ar nos EUA em 30 de junho para a exibição de seus últimos 12 episódios.

American Horror Story | Terceira temporada ganha título e série pode ter spin-off

A terceira temporada de American Horror Story recebeu o subtítulo de Coven, anunciou o cocriador Ryan Murphy durante o painel da série na convenção PaleyFest, nesta sexta-feira (15).

Conforme já especulado, o novo ano da atração vai girar mesmo em torno de bruxas – daí vem o subtítulo, termo utilizado para caracterizar um grupo praticante de Wicca ou Bruxaria – e terá boa parte de suas cenas rodadas em New Orleans.

“O mais divertido é pesquisar quais são os lugares realmente assombrados da América, e nós encontramos alguns locais bem sombrios”, disse Murphy, acrescentando que a próxima história novamente apresentará o “monstro” da temporada.

Kathy Bates, nova integrante do elenco, também marcou presença no evento. Ela e Jessica Lange, como intérpretes de amigas que se tornam rivais, compõem o trio de protagonistas da terceira temporada.

“Você sabe que eu adoro uma vencedora do Oscar”, disse Murphy sobre a escalação de Bates. “Eu gostaria de ver muitas cenas com Jessica Lange e Kathy Bates se enfrentando, então é isso que vocês verão”, acrescentou.

Quanto à personagem de Lange, o produtor já havia adiantado que ela seria uma antagonista “glamourosa”, e a atriz diz não saber o que isso representa ainda, mas está “empolgada” com seu novo papel.

Também retornam para a série: Sarah Paulson, Evan Peters, Lily Rab, Frances Conroy e Taissa Farmiga.

Por fim, Ryan Murphy contou que tem várias ideias paras as próximas temporadas e que American Horror Story pode durar 10 anos no ar. Ele até cogita a possibilidade de uma série derivada: “Eu tenho conversado com John Landgraf [presidente do FX, canal de exibição da série] sobre fazer algo complementar para American Horror Story”, confessou.

Vele a pena lembrar: American Horror Story: Coven deve estrear em outubro na TV americana.

Once Upon a Time pode ganhar spin-off centrado no Chapeleiro Maluco

O canal ABC está avaliando uma série derivada de Once Upon a Time tendo o Chapeleiro Maluco como protagonista.

Segundo o Deadline, o único empecilho seria o retorno de Sebastian Stan ao papel. O ator encarnou o personagem saído de Alice no País das Maravilhas por seis episódios, mas não está disponível para o spin-off em função de seu compromisso com a peça da Broadway Picnic, sem contar que ele reprisa em breve o vilão Bucky Barnes no filme Capitão América 2.

Disposta a contornar o problema, a emissora considera reescalar Stan e apresentar o novo intérprete do Chapeleiro já na segunda temporada de Once Upon a Time. O episódio também funcionaria como piloto do spin-off, para avaliar a recepção da trama junto ao público.

É comum a série de fantasia testar a popularidade de seus personagens. Emile de Ravin (Bella),Meghan Ory (Chapeuzinho Vermelho) e Colin O’Donoghue (Capitão Hook) começaram como convidados especiais e logo se tornaram parte do elenco fixo.

Vale a pena lembrar: Once Upon a Time é exibida aos domingos nos EUA. No Brasil, a atração passa no canal pago Sony.

The Originals | Spin-off de The Vampire Diaries fecha o trio de vampiros originais

The Originals, série derivada de The Vampire Diaries que o canal CW está preparando, completou o trio de vampiros originais com a contratação de Claire Holt.

A atriz reprisará o papel da vampira Rebekah ao lado de Joseph Morgan (Klaus) e Daniel Gillies (Elijah), seus irmãos na trama.

No spin-off, Klaus retorna à Nova Orleans, cidade que ele ajudou a construir há séculos, e reencontra seu diabólico ex-protegido Marcel. Klaus e o irmão Elijah deve se juntar aos inimigos de Marcel para tentar evitar a extinção da linhagem Mikaelson.

Phoebe Tonkin, que se juntou recentemente ao elenco de The Vampire Diaries, também repete o papel da mulher-lobo Hayley. Daniella Pineda (Homeland) como a bruxa Sophie e Danielle Campbell (Prison Break) como a perturbada feiticeira Davina completam o elenco.

O episódio, sujeito à avaliação, será exibido como um episódio especial na quarta temporada de The Vampire Diaries e está programado para ir ao ar nos EUA em 25 de abril. Se for bem recebido pelo público, a CW deve encomendar uma primeira temporada para The Originals.

ABC encomenda episódios adicionais para ‘Modern Family, ‘Grey’s Anatomy’ e ‘Castle’

Apesar de Private Practive ser cancelada pela ABC, a rede encomendou episódios adicionais para Modern Family, Grey’s Anatomy e Castle.

As séries sortudas ganharam novos episódios para poderem acompanhar a série ‘The Middle’, que já estava programada para ter 24 episódios em sua temporada atual. Castle terá apenas um episódio adicional enquanto as outras duas séries terão dois episódios adicionais.

As séries novas da ABC, Last Resort e 666 Park Avenue, também receberam boas notícias, foram ordenados a produção de dois novos scripts adicionais. Um passo interessante pela ABC, já que esse recurso rendeu um aumento em 6% na audiência para o canal, mas 666 Park Avenue visivelmente diminuiu para abaixo da marca de 5 milhões de espectadores.

Seguindo essa tendência, a FOX também ordenou mais dois episódios para a série de Mindy Kaling, The Mindy Project.

A criadora de Grey’s Anatomy, Shonda Rhimes, teve que anunciar aos fãs sobre o cancelamento do spin-off  Private Practice, pela sua conta no twitter. Depois de um total de 111 episódios a ABC decidiu cancelar a série, e Shonda citou problemas de orçamento como uma das razões do cancelamento.

%d blogueiros gostam disto: